Recicla

Ana Galvão: “No meu dia a dia separo sempre o lixo”

Conhecida pelos seus hábitos ecológicos, a radialista Ana Galvão, uma das três vozes do programa das manhãs da Renascença, tem vários cuidados amigos da sua saúde e do ambiente. Saiba quais

Que cuidados tem no dia a dia para manter uma rotina mais sustentável?
No meu dia-a-dia, separo sempre o lixo, reutilizo tudo o que posso (o café de filtro que faço e sobra vai para as plantas, a água de ferver alimentos utilizo para regar), só uso o carro em situações obrigatórias, vou a pé ou de bicicleta no resto das situações, e tento comprar o máximo possível a granel.
Faço quantidades de comida pequenas para ter que deitar o mínimo possível fora. E, sobretudo, tento escolher o que como. Não consumo carne, por exemplo, porque, entre outras coisas, a sua produção massiva é um dos maiores poluidores do planeta Terra.

Faz reciclagem?
Além de fazer separação dos resíduos, também guardo o que vou conseguindo para mais tarde usar (papéis de embrulho, por exemplo). Além disso, refaço as minhas roupas (adoro coser).

É difícil conciliar as rotinas diárias com as preocupações de sustentabilidade?
Não, se ficarem integradas no dia-a-dia. Na verdade, o excesso de coisas complica muito mais a nossa vida. A questão de usar o carro o mínimo possível, em dias de muitos compromissos e num curto espaço de tempo pode ser mais difícil. Mas, às vezes, é mais simples do que parece.

Consegue passar esses hábitos ao seu filho?
As crianças já têm uma educação e sensibilidade para a questão que vem da escola. Até acho que são mais permeáveis a mudar do que muitos adultos. A questão da alimentação, por exemplo, ele entende perfeitamente.

Três boas práticas ambientais das quais não abdica…
Andar de bicicleta, nunca usar palhinhas em cafés (muito menos em casa) e escolher bem o que como (o transporte de alimentos é um gigantesco poluidor, daí que tento consumir local e sazonal).