Recicla

Por caminhos subterrâneos nas grutas da Serra de Aire e Candeeiros

Torne-se um espeleologista por um dia, parta à descoberta da natureza na Serra de Aire e Candeeiros, mas numa viagem debaixo de terra, onde as estalactites e as estalagmites são o pano de fundo.

A Serra de Aire e Candeeiros está inserida na área protegida do Parque Natural e ao longo do tempo sofreu diversos processos geomorfológicos. As rochas, maioritariamente de origem calcária, expostas aos elementos naturais, foram sendo modeladas, dando origem a centenas de grutas.

Algumas delas estão preparadas para receber visitantes. A mais conhecida é a gruta de Mira de Aire. Aqui os curiosos descem a 110 metros de profundidade para conhecer esta paisagem escondida. Depois de conhecer a Galeria Grande, que é a principal, com diversas ramificações, a Sala Grande e as suas bancadas de calcário que atingem entre os 10 e os 30 metros de altura, facilmente se entende o porquê de esta gruta ter sido considera uma das Sete Maravilhas de Portugal. Enquanto se percorre a Fonte das Pérolas, as Galerias do Polvo e do Sifão das Areias, é possível observar os contornos esculpidos nas rochas que se assemelham a uma alforreca ou a uma cascata petrificada, entre várias outras formas.

Também disponível para usufruto da população em geral está a gruta de Santo António. Na sua sala principal pode observar-se o que a natureza esculpiu ao longo de centenas de anos. Nos seis mil metros quadrados podem apreciar-se diversos ângulos e recantos preenchidos pelas formações rochosas e contornos rendilhados.

A gruta de Alvados é mais um exemplo da beleza que se pode encontrar debaixo de terra. A entrada foi criada de forma inata ao nível do solo e, uma vez no interior, as salas desniveladas conduzem o visitante por um túnel, onde as estalagmites e as estalactites acompanhadas de pequenos lagos naturais revelam um encantado mundo subterrâneo.

Embarque numa exploração subterrânea e conheça as paisagens que a natureza criou a muitos metros de profundidade. Na sua viagem, não se esqueça de manter o cuidado e de não deixar vestígios da sua passagem.